Velho amigo Rodrigo Gondim, levado pela dengue

Na realidade eu ainda não estou acreditando. Tinha acabado de chegar em casa e meu celular tocou, era o Johw, o Felipe, que disse que não tinha uma notícia muito boa para dar.

Quando vc escuta isto espera pelo pior, mas o pior ainda não chega perto da situação de não acreditar. Ele me disse que o Rodrigo Gondim, um velho amigo, guitarrista profissional no termo mais amplo da palavra, o cara que me apresentou milhares de bandas e me motivou a tocar, havia morrido. De dengue.

Cara, não dá para acreditar nestas coisas… estou triste e chocado. Não dá para conceber este tipo de coisa.

Lembro que conheci ele no início da faculdade de Eng. Elétrica, na UFC, a gente descobriu que morava relativamente perto um do outro e íamos praticamente juntos todos os dias para a faculdade. Além de excelente músico o cara era extremamente inteligente.

Inconcebível! Fica o clipe da banda O Sonso da qual ele participa. Meu velho, agora fico na esperança de que existe algo melhor do outro lado e estou torcendo para que sua família consiga superar.

Rodrigo Dreamatory, você fez história cara. Vamos lembrar de você para sempre!

16 comments

  1. Também não consigo acreditar nisso… qd tu me ligou e falou eu fiquei besta doido… ele era tudo o que tu falou e mais. O Rodrigo Dreamatory, gente finissima, simpático, alegre… putz, encontrei com ele tantas vezes pelos locais onde ele tocava… tristeza, agora é o que resta.

    Que ele esteja no reino do Pai.

  2. Nao da’ pra acreditar. Meu amigo Ernani me deu o toque e eu pensava que era um ex-amigo meu da epoca do colegio, quando pesquisei na internet e encontrei essa pagina e vejo que e’ em verdade o Rodrigo Dreamatory! Com certeza ele sera’ lembrado por sempre por tudo o que compartiu com todos. So’ tenho boas lembrancas das epocas idas – amigo de palco, de show, de musica e de conversa.

  3. é uma dormuito grande saber que uma pessoa tão linda não estará mais entre nós,fisicamente.Porém o seu espírito permanecerá vivo no coração daqueles que o amam.Aquilo que o fez tão querido por nós,estará conosco.Sempre

  4. O Rodrigo foi o melhor professo de música que eu ja vi. Ele era um verdadeiro mestre. Rigoroso, perfeccionista… Mais do que meu professor, ele é um grande amigo. O fato de ele não estar mais entre nós lacera meu coração. Não há como eu pegar uma guitarra sem ouvir a voz dele dizendo sempre pra estudar mais, ou então “Agora é pra usar a Menor Harmônica!!”. E é assim que eu sempre vou manter ele vivo dentro de mim.

  5. E’ realmente um choque. Pela idade, pelo motivo, enfim… Sempre admirei sua habilidade e seu jeito simples de tratar a todos. Um estardalhaco na cabeca de todos os que o conheceram de alguma forma.

  6. eh meu primo querido vc sempre estara no meu coração pra sempre….primo cabecinhaaaa…
    saudades ficaram de uma pessoa simplismente espetacular!!!

  7. Realmente não p/ acreditar. Muitas vezes o destino nos leva a situações inaceitáveis… Aproveito para registra a ironia do destino a qual me deu a honra de ser a pessoa que passou os primeiros acordes p/ele… Só que o aluno superou, e muito!, o professor, pois atualmente, eu é que pegava aulas com ele. Somente me resta desejar muita força para sua família.
    Saudades Rodrigo…

  8. Fiquei chocado quando lí no jornal ontem que o Rodtigo Gondim havia falecido. Até agora não acredito. Conhecí ele na Engenharia Elétrica, entramos na mesma turma. Um dos momentos que nunca vou esquecer foi um churrasco que tivemos na casa do Carlos Eugêncio (o popular “Depois”) onde todos ficamos bêbados e curtimos muito. Foi um grande momento de confraternização de nossa turma. O Rodrigo era um dos mais brincalhões na época. A última vez que o vi fazem mais de 3 anos, quase não o reconheci, ele estava mais magro diferente da época da elétrica, mas contiava com a mesma simpatia e alegria que sempre o acompanhava. Conversamos quase uma hora sobre os rumos que nossas vidas tinham tomado depois da faculdade, eu estava morando fora nessa época e ele já estava praticamente consolidado no cenário musical cearense. Para mim nós perdemos um dos melhores guitarristas que já ví tocando e uma das pessoas mais fantásticas que conheci. Estou muito triste…
    Que Deus esteja com sua família.
    Vou guardar para sempre sua imagem numa das lembranças mais importantes da minha vida.
    Muita saudade…

  9. GENTE, NÃO ACREDITEI…. SOUBE HOJE PELA MANHÃ! PASSEI MAL… ELE TOCOU QUINTA-FEIRA PASSADA AQUI NO CCBN ACOMPANHANDO O BOB MESQUITA. ESTOU MUITO TRISTE MESMO. LEMBRO DELE DE VÁRIAS OUTRAS VEZES QUE TOCOU POR AQUI E SEMPRE ESTAVA SORRINDO, O CARA TOCAVA MUITO!!! VAMOS SENTIR MUITA FALTA!!! RESTA DESEJAR MUITA FORÇA PARA A FAMÍLIA, POIS NESSAS HORAS É O QUE REALMENTE VALE, E REZAR PARA QUE SUA ALMA DESCANSE EM PAZ!

  10. Soube desta triste notícia no próprio domingo (20/04/08). Estava fazendo uma pesquisa na internet para saber maiores detalhes sobre o que aconteceu e encontrei este site, no qual li as postagens de alguns camaradas (Talles e Rafael “To France”). Além de que pelo que vi esta página é o Rodolfo “CyberVoodoo”, o qual não sei se está lembrado de quem sou.
    De qualquer forma, como eu não estava em Fortaleza no dia do falecimento do Rodrigo e não pude comparecer ao velório e enterro, julgo importante ao menos deixar uma homenagem a esse amigo que partiu.
    Apesar de já não ter convívio constante com ele há alguns anos, o Rodrigo sempre foi um cara que considerei muito, pois era uma pessoa extremamente amigável, simples e talentosa.
    No fim da década de 90 e início desta atual, convivemos constantemente, tocando por aí, tomando nosso “goró” e lutando por ideais comuns. Foi a época na qual tínhamos a grande irmandade entre as bandas Dreamatory – Tiglath – Necromorten – Heritage.
    Só posso lamentar pela partida tão repentina de uma pessoa que tinha todo um caminho a trilhar e uma vida a ser vivida.
    Espero que onde quer que o Rodrigo esteja, que ele descanse em paz e que a sua família possa rapidamente superar este momento tão difícil.
    Grande abraço, meu camarada…que sua vida e obra sejam celebradas para sempre.

  11. Um grande músico e uma ótima pessoa. Certamente o Rodrigo nos fará falta, mas também é fato que ele nos deixou um pouco de seu grande profissionalismo em suas músicas. Não tenho medo em afirmar que o cenário musical cearense perdeu um grande artista. Deixo aqui em nome da banda Zuquine, um forte abraço a todos os amigos e familiares do Rodrigo. Força, gente!

    Marcelo Vieira

  12. Grande músico e grande pessoa… Não tive contato diretamente com ele mas conheço eu trabalho e tive a oportunidade de conhece-lo no Festival Música na Ibiapaba! Sucesso aí em cima grande Rodrigo! Vai com DEUS!

  13. Acordei domingo com a notícia…
    tínhamos um duo de guitarras que voltaria a ser ensaiado agora que ele chegou de viagem…grande perda,irreparável.
    o rodrigo era o cara mais dedicado à música que conheci por aqui.o conheci quando ele era ainda um metaleiro,formamos um grupo de estudos,e dei os primeiros toques de improvisação pra ele…e agora iríamos inverter:eu iria ter aulas com ele.e já tem uns oito anos que nos alternamos em diversas bandas:quando eu não podia,mandava rodrigo,e vice-versa…(numa dessas,ele conheceu o esposa)…
    o sepultamento foi muito doloroso,mesmo,apesar disso,eu,marcos maia,bob mesquita,herlon robson,bob mesquita e márcio resende tocamos durante tudo músicas que ele gostava(pat metheny,beatles,cinema paradiso,etc.)
    perdi um grande amigo,uma referência musical,um colega de duo,um confidente,um substituto,um grande artista que brilharia nacionalmente em pouco tempo-e tudo isso de uma vez,em uma pessoa só:Rodrigo Gondim.
    E fica a esposa com uma filhinha de oito meses…Força!

  14. Conheci o Rodrigo por volta dos 10 anos de idade. Desde muito antes, já fazia (com muita indisciplina) aulas de piano. Apresentei o Rodrigo à minha professora de piano. Daquele ponto em diante ele começou a desenvolver todo seu talento e potencial. No Colégio e nas aulas de inglês, o Rodrigo sempre foi um cara amigo, gente boa. Agradeço até hoje pela mix tape que ele fez para mim 15 anos atrás, com Nirvana e Offspring. Tive ainda o prazer de tê-lo tocando em um barzinho que tive. Assim como Jimi Hendrix, Jim Morrison, Janis Joplin e Kurt Cobain, que morreram muito jovens (27-28 anos), Rodrigo parte cedo, deixando saudade em todos aqueles que o conheceram e que o admiravam.

  15. Como disse meu amido Eduardo Magnani (Necromorten), as lembranças mais saudosas da companhia de nosso querido amigo Rodrigo Gondim, foram os festivais e shows do início dos anos 90, as conversas de bar e mais recentemente a loja Shop Music onde comprava equipamentos. Sempre de bom humor, brincalhão, músico brilhante, quebrava a chatice do labor diário. Muitos são os adjetivos que poderia citar. O que importa é que um grande músico, filho e amigo não está mais entre nós. Resta a saudade e boas lembranças. Quero crer que ele está num bom lugar, dedilhando sua guitarra, tocando sua música. Lúdico? Se isto não basta, é só ouvir as composições e os registros que deixou impresso nas palavras destes que aqui escrevem, os quais ainda ouvem os acordes de suas músicas e sentem saudades! À sua família meus pêsames. Descanse em paz grande amigo!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *